Lar de Maria |
Home A causa Acontece no Lar Quem somos Transparência Privacidade Contato

Política
de Privacidade

Sua privacidade é importante para o Lar de Maria

Com a chegada da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) – Lei nº 13.709/18, gostaríamos de reafirmar nosso compromisso com a privacidade e direitos de nossos doadores, parceiros, beneficiários atendidos e suas famílias. A Lei determina regras de respeito à privacidade, que se aplicam a instituições públicas e privadas que armazenam dados pessoais. A LGPD tem por finalidade proteger direitos fundamentais de liberdade e criamos um ambiente de segurança jurídica para dados coletados e tratados em território nacional.

Lembramos também que a atualização cadastral é muito importante para nós. Afinal, é por meio destas informações que conseguiremos notificá-lo sobre campanhas e projetos, novidades e eventos desenvolvidos com todo o amor e carinho que nossas crianças tanto merecem.

Contato telefônico do Lar de Maria aos doadores

Diariamente nossas colaboradoras realizam contato telefônico, afim de apresentar o trabalho social e educacional ofertado a centenas de crianças e famílias beneficiadas pelo Lar de Maria. Dessa forma, conseguimos doações que mantêm e até mesmo ampliam nossa rede de atendimento.

Entendemos que receber ligações de diversas empresas pode ser desagradável. Por este motivo o Lar de Maria disponibiliza informações sobre a seriedade do nosso trabalho sobre o tratamento de dados pessoais.

Dúvidas e solicitações referente aos dados:

Você pode requerer os direitos à privacidade e proteção de dados pessoais, de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados. Em caso de dúvidas e solicitações referente ao uso dos dados entre em contato por meio do endereço eletrônico dpo@lardemaria.org.br.

Ah, o bloqueio será feito mediante pedido do titular da conta, seguindo os critérios da LGPD.

ATENÇÃO

Este canal é exclusivo para assuntos referentes à Proteção de dados pessoais e não deve ser utilizado para envio de currículos, temas relacionados à vaga de crianças ou doações. Para estes assuntos utilize os canais de atendimento, 0800 190 4880 (ligação gratuita) ou pelo e-mail 0800@lardemaria.org.br.

Para ajuda-lo deixamos aqui as perguntas e respostas mais frequentes:

Como bloquear ligações do Lar de Maria?

C:\Users\Nadine\AppData\Local\Microsoft\Windows\INetCache\Content.Outlook\LB3PGOZA\IMG_7683.jpg

O Lar de Maria Respeita sua privacidade e escolha de não receber ligações e, por isso disponibilizamos a baixo os meios de comunicação disponíveis para realização do bloqueio, que pode ser através do e-mail dpo@lardemaria.org.br ou através de nossa central de atendimento 0800 190 4880 (atendimento de segunda a sexta-feira dás 08h e 30 min até as 18h e 30 min e aos sábados dás 9h ás 15h).

Como o Lar de Maria conseguiu meus dados?

Ao longo dos 60 anos de existência, o Lar de Maria vem construindo sua própria base de dados, de forma transparente e respeitosa, com intuito de apresentar o trabalho o social realizado a favor de pessoas em vulnerabilidade social atendidas pela Instituição.

A atualização dessas informações pode acontecer através dos seguintes motivos:

  • Telemarketing: Quando é registrado um primeiro cadastro, com finalidade de registrar a doação e futuros contatos, conforme acordado entre as partes;
  • Site da Instituição: Dados são coletados ao através de navegação em nosso site, quando é preenchido formulários para contato e ou participar de enquetes e boletim de notícias.
  • Eventos: participação em eventos presenciais;
  • Redes Sociais: quando existe interação com o Lar de Maria através dos canais oficiais;
  • Cadastro para atendimento social e educacional, cadastro de família e atendidos;
  • Inscrição para participação em serviços, trabalhos voluntários, programas sociais, educacionais ou campanhas;
  • Cadastro para lista de espera relacionado a serviços e programas sociais e educacionais e ficha social;

Alguns dados também são coletados através de trackers e cookies.

Trackers são ferramentas da internet utilizadas para garantir que o site está funcionando corretamente. Eles reúnem informações sobre como a pessoa utiliza o site ou a rede social, para personalizar o conteúdo de acordo com as preferências do usuário.

Por sua vez, os cookies são os mais famosos tipos de tracker utilizados atualmente.

Cadastro “Não Perturbe”, por que recebo ligações do Lar de Maria, se tenho cadastro para não receber ligações?

Isso acontece porque a Lei do serviço “Não Perturbe” não se aplica a instituições filantrópicas, que utilizam o telemarketing para angariar fundos para suas atividades filantrópicas.

Alguma empresa repassa dados pessoais ou telefone de contato para o Lar de Maria?

Nenhuma empresa compartilha base de dados pessoais com o Lar de Maria. Os contratos firmados entre o Lar de Maria e as Concessionárias de telefonia, bancos e afins, permitem apenas que a doação, ora autorizada de forma espontaneamente pelo doador, seja debitada de acordo com a finalidade proposta.

Por que recebo ligações do Lar de Maria sem o prefixo 0303?

Este é um serviço obrigatório apenas para as empresas privadas que comercializam produtos e/ou serviços. Por se tratar de uma instituição filantrópica sem fins lucrativos, essa lei não se aplica ao Lar de Maria.

Proteção aos dados pessoais do Doador

Quer saber como cuidamos dos seus dados? Vamos explicar a importância de mantermos cada informação em nosso sistema.

Segue abaixo o motivo e os dados necessários que são solicitados durante o atendimento da Instituição aos doadores:

Nome completo: Para identificação do doador em nosso cadastro.

Telefone: Para lançamento de debito através de fatura telefônica, para localização de cadastro do doador e futuros contatos.

Endereço: Para envio de boleto bancário, quando a opção do doador for este meio de pagamento

CPF ou RG: Para confirmar titularidade e atender a exigência contratual, como emissão de boleto bancário, possibilitando efetivar a doação.

Número de telefone celular: Para facilitar futuros contatos, e para envio de notificações e agradecimento de doações através de WhatsApp.

O que são dados Pessoais?

Dados pessoais são informações capazes de identificar, direta ou indiretamente, uma pessoa física. Documentos pessoais, e-mail, telefone fixo e celular, endereço residencial, foto e todo e qualquer conjunto de informações específicas que podem levar à identificação de um determinado indivíduo.

Temos acesso a quais dados?

A Instituição Beneficente Lar de Maria mantém somente os dados pessoais informados pelo doador durante o cadastro realizado por nossa plataforma de atendimento. As informações contidas são variadas, e mudam conforme o tipo de relacionamento mantido com cada doador, voluntários, candidatos e parceiros.

Somente coletamos os dados que forem estritamente necessários para garantir a finalidade do relacionamento proposto.

Como temos acesso a estes dados?

Todos os dados pessoais mantidos pela Instituição são disponibilizados pelo próprio interessado em manter algum tipo de relacionamento conosco. As informações pertinentes são coletadas no primeiro contato, e são disponibilizadas pelos doadores, parceiros ou voluntários.

Por que coletamos estes dados?

Os dados pessoais armazenados em nosso sistema são essenciais para que a Instituição mantenha um canal de comunicação aberto e direto com todos os doadores, parceiros, voluntários e candidatos cadastrados. Esta é uma maneira simples e direta de comunicar sobre as novidades, campanhas de doações, informativos para acompanhamento do trabalho realizado.

Por quanto tempo guardamos seus dados?

A Instituição Lar de Maria é uma Instituição filantrópica sem fins lucrativos e precisa de ajuda tanto da população quanto da iniciativa privada para manter nossa obra assistencial. Nossos colaboradores entram em contato para informar sobre novidades e campanhas. Por isso, é importante manter os dados atualizados até que o usuário solicite a exclusão.

Os Dados são compartilhados?

Hoje a Instituição Beneficente Lar de Maria, mantem um serviço de telemarketing interno para a arrecadação de doações. Os dados coletados são para uso exclusivo da Instituição, sendo assim não compartilhamos dados com terceiros.

Como cuidamos dos seus dados?

Os Dados Pessoais são acessados somente por profissionais autorizados, respeitando os princípios de proporcionalidade, necessidade e relevância para os objetivos filantrópicos da Instituição, além do compromisso de confidencialidade e preservação da privacidade nos termos desta política e da LGPD.

Adotamos todas as medidas técnicas de proteção contra acessos não autorizados e de situações de destruição, perda, alteração, comunicação ou difusão dos dados.

Com isso, suas informações estão seguras conosco. Após o encerramento de vínculo com a Instituição, estamos à disposição para bloquear e excluir qualquer dado pessoal, assim que solicitado pelo titular, observando as determinações da LGPD e outras legislações aplicáveis.

Mantemos uma política de Segurança da Informação, que segue conceitos de segurança da informação adotados pelo Lar de Maria e todo o comprometimento da direção com a política, uma estrutura para estabelecer os objetivos de controle e os controles, a estrutura de análise e avaliação e gerenciamento de riscos, as políticas, princípios, normas e requisitos de conformidade de segurança da informação. Praticamos também a comunicação a todos agentes relacionados bem como a constante analise e revisão crítica em intervalos regulares ou quando mudanças se fizerem necessárias.

Organizando a Segurança da Informação: Estabelecemos uma estrutura de gerenciamento de informações, onde as atividades são coordenadas por representantes das diversas áreas da instituição para gerenciá-la. Estabelecemos acordos de confidencialidade para proteger as informações de caráter sigiloso.

Quais são seus direitos?

A Instituição Beneficente Lar de Maria assegura aos usuários, parceiros e doadores, seus direitos de titular previstos no artigo 18 da Lei Geral de Proteção de Dados. Dessa forma, o interessado tem acesso gratuito e a qualquer tempo para acessar seus dados, corrigir, limitar ou até mesmo revogar seu consentimento para o uso e armazenamento dos dados informados.